E que acabe Novembro

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Para não perder o costume de postar pelo menos uma vez por mês, estou eu aqui.

Esses dias estão bem corridos, muitos trabalhos da faculdade a serem feitos, fim de semestre não é fácil. Estou num nível de estresse tão grande que parece que estou fazendo tudo no piloto automático, andando feito zumbi.
A princípio estava gostando dessa rotina de corre-corre, mas uma hora a gente cansa, o corpo reclama. Os últimos dias não têm sido fáceis, eu admito. Estou esperando pelas férias ansiosamente ao mesmo tempo com um pesar, tem tantos trabalhos a serem entregues e que ainda não terminei, na verdade precisava de pelo menos mais 12hs, acho que assim daria para agilizar.

O corpo tem falado, e alto! Não estou lá muito saudável, acho que por causa do meu ritmo mesmo. Muitas dores de cabeça e fraqueza. Têm momentos que preciso parar tudo, respirar e ficar quietinha, do contrário fico zonza, com sensação de que vou desmaiar a qualquer momento. Isso é novidade pra mim, nunca tive essa sensação antes.
Graças a Deus o semestre está acabando, graças a Deus mesmo!

Dentre os muitos trabalhos de curso que tenho feito, embora sejam chatos, na verdade acho que todos são (rs), alguns têm sido inspiradores, tenho vivenciado muitas coisas legais. Tive que fazer um memorial e para isso fez-se necessário resgatar lembranças. Achei sensacional a proposta, no final quando você para e pensa em sua história aprende a valorizar tudo o que viveu, respeitar o que você é, agradecer pelo fato ter chegando onde chegou e ganha fôlego para continuar caminhando e sonhando.
Outro trabalho que a princípio odiei a proposta mas que no decorrer da caminhada fui me deliciando ao executa-lo, foi o de escrever um livro infantil. Isso mesmo! Escrevi um livro, na verdade eu e minha dupla. Me empenhei muito neste trabalho. Escrevi a história e depois fomos produzindo o projeto. Gostei porquê através deste pude trabalhar as minhas habilidades. Recebi sugestões de amigos que foram aperfeiçoando o projeto. Só não ficou melhor por falta de tempo mesmo (usei os intervalos do emprego), mas amei o produto final. Quem sabe um dia não público o meu primeiro filhote, né!? (rs)

No mês passado completou um ano que passei pala Iodoterapia. De 1 ano e meio para cá tenho vivido dias de superação e quando olho para trás fico muito agradecida por tudo que Deus têm feito por mim, pelas forças que se renovam a cada manhã.

Em resumo é isso. Essas são as minhas novidades, talvez não muito diferente das suas, mas com a minha particularidade.

Até a próxima! 






Ocorreu um erro neste gadget
Design e código feitos por Julie Duarte. A cópia total ou parcial são proibidas, assim como retirar os créditos.
Gostou desse layout? Então visite o blog Julie de batom e escolha o seu!